terça-feira, 27 de setembro de 2016

Chopin - Nocturne Op.9 No2

Petrificado e sem o controlo dos meus olhos, deixei-me assistir à orgia que se iniciava no painel decorado de fundo azul sob o lema «the union and the constitution forever» enquanto os olhares insondáveis dos intervenientes iam ganhando vida própria. No resto da minha sala, os bronzes de máscaras grotescas, os livros da grande estante, todos os outros objectos foram por seu turno inquietando-se também, como num pesadelo, ao ritmo do jogo pontuado de suspiros e gemidos, do jogo inverosímil e alucinante a que se entregavam na minha frente duas cabeças loiras assentes em corpos de pele rejuvenescida, branca e macia. O meu espasmo foi o de um homem aparvalhado, fustigado, espicaçado, mortificado. 
God save América and the rest of the world.

2 comentários:

  1. Corpos de pele rejuvenescida?
    Impontual, escapou-me esse detalhe... Vimos o mesmo?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isabel, esse detalhe é fundamental. Aquilo é matéria a compósito por dentro e por fora.

      Eliminar